Parafimose em cães

Parafimose em cães

Print Friendly Version of this pageImprimir Get a PDF version of this webpagePDF

 A parafimose é uma doença na qual o pênis do animal fica exposto, ou seja , ele não volta para a cavidade prepucial. Isso acontece geralmente após a ereção, mas pode estar associado a algum traumatismo, a cópula ou até mesmo a neoplasias como por exemplo o TVT (Tumor venéreo transmissível) .

O pênis fica exposto por causa das dobras e aderências que se formam e impedem a sua retração. No início, o pênis exposto fica com a aparência normal, com o passar do tempo, a circulação local fica comprometida, o pênis exposto fica edemaciado, podendo aparecer fissuras, lacerações e miíases. O diagnóstico é feito pelo exame clínico e pelo histórico do animal, nos casos em que o pênis não esta em processo de necrose, o problema pode ser resolvido clinicamente, o animal é tranquilizado e o veterinário faz algumas manobras como aplicação de compressas frias e lubrificação do local na tentativa de voltar com o pênis para a cavidade prepucial. Em alguns casos, é feita a cirurgia para o alargamento da cavidade prepucial .

Se o animal for tratado clinicamente, com compressas e lubrificantes, o proprietário deve ser avisado que o problema pode voltar a acontecer. Nos casos mais avançados, pode acontecer gangrena e necrose do pênis, nesses casos, a penectomia (amputação do pênis) é indicada.

Fonte: Apostila CPT Cursos Presenciais

 

 

Conheça o Curso de Cirurgia em Pequenos Animais

 

Veja Também

Comentários

Receba nossas novidades!

Digite seu e-mail:

Curta nossa página

Error ao conectar
Tire suas dúvidas Preencha os campos abaixo