Aumente seu conhecimento no mundo Veterinário

Junte-se a milhares de apaixonados por animais. Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Doença Renal Crônica: fatores causadores e dicas para o combate à doença

A doença renal crônica é, normalmente, uma doença progressiva na qual os rins perdem a capacidade para funcionar corretamente. Ela desenvolve-se de forma lenta e silenciosa, por um período de meses ou anos e possui diferentes estágios. Os fatores de risco para a doença renal crônica incluem: raça e herança familiar, infecções, idade avançada, hipertensão e Diabetes Mellitus.

Como é uma doença que não apresenta uma cura, o dono de um animal portador da doença renal crônica poderá sempre ajudar a atrasar a progressão da doença com um tratamento que prime pela correção e a administração de uma alimentação adequada.

Considerando que os rins mantêm uma correta hidratação, eliminam os produtos de excreção (toxinas) e a água extra do sangue para formar a urina, equilibram muitas substâncias entre o organismo e o sangue - incluindo minerais como sódio, potássio e cloro-, produzem hormonas que ajudam a controlar a produção de células e que regulam a pressão sanguínea, muitas dessas funções ocorrem em unidades, denominadas nefróneos, que têm a função de filtrar o sangue e estão localizadas no interior dos rins. Um rim saudável no cão e gato contém centenas de milhares de nefrôneos.

No decorrer dos anos, mesmo em animais saudáveis, muitos nefróneos vão-se perdendo e não podem ser substituídos, embora os animais não demonstrem sinais de doença. Mas à medida que se vão perdendo os nefróneos, os rins vão-se tornando incapazes para excretar os produtos de excreção do metabolismo e uma vez que estes se acumulem no organismo, o cão ou o gato perde a capacidade para manter uma correta hidratação. Dessa forma, a percepção de uma sede anormal em cães e gatos exige a procura imediata do médico veterinário, pois quanto mais precoce for a intervenção, mais eficaz será o tratamento.

Os sinais da doença renal crônica no cão e no gato podem ser: apresentar desidratação, beber muita água e urinar com frequência, demonstrar perda de apetite e, por vezes vômito, apresentar perda de peso, anemia, apatia e hálito com cheiro fora do normal.

O correto diagnóstico da doença pode ser feito apenas pelo veterinário através de um exame minucioso, que necessita de uma correta história clínica, no que o dono do animal pode ajudar. Por ser uma doença progressiva, que ocorre ao longo de meses ou anos, a causa exata da doença renal poderá ser de difícil identificação. Dessa forma, para determinar a gravidade dessa doença são necessárias análises de urina e de sangue.

O tratamento dessa doença dependerá da sua gravidade. Assim, se o animal estiver desidratado, deverá fazer fluidoterapia e ter água fresca e limpa sempre à sua disposição. Em caso de cães e gatos sofrerem simultaneamente de anemia, pressão sanguínea elevada e úlceras no estômago, será prescrita uma medicação específica para que se sintam melhor.

Uma atenção a se tomar diz respeito à alimentação, pois cães e gatos com essa patologia apresentam necessidades nutricionais específicas. Por causa disso, além de terem de ser alimentados com um nível protéico adequado, a fonte de proteínas tem de ser de excelente qualidade e digestibilidade. Aumentar o nível de ácidos gordos essenciais e de antioxidantes é também muito benéfico, pois estes ajudam a atrasar a progressão da lesão renal.

Fonte: Purina Petlife

Adaptação: Revista Veterinária

Conheça os Cursos de Nefrologia e Urologia em Pequenos Animais!

   

Áreas

Artigos

Pequenos Animais

Para você que quer ser um expert em Cardiologia Veterinária: Este é o caminho do sucesso!
Deixe seu comentário:

Comentários

Esta publicação não possui comentários.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado
(Campos com * são obrigatórios)

Conecte-se ao mundo Veterinário gratuitamente!



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.
Sites relacionados
Revista Agropecuária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2018 Revista Veterinária. Todos os Direitos Reservados.