Erliquiose canina e o diagnóstico através do exame de sangue, hemograma

caoA erliquiose canina é uma doença infecciosa que é transmitida pela picada do carrapato que carrega a bactéria destruindo a probidade das células sanguíneas, a estatística de morte de 80% dos cães infectados. A doença é uma infecção comum hemoparasita que ataca o sangue dos cães, ou seja, é um parasita do sangue, porém não é transmissível a seres humanos.

A erliquiose é assintomática no início do contágio o que facilita o seu progresso. Os sintomas característicos são apatia, anemia grave, tristeza, o animal para de brincar e pular, falta de apetite com consequente emagrecimento, gengiva e mucosas pálidas.

O diagnóstico é possível através do exame de sangue, hemograma. Quando a doença é diagnosticada no início o tratamento pode ser à base de antibióticos, em caso de agravamento há transfusões de sangue, alternativa para ganhar tempo e tratar o animal doente com antibióticos e suplementos contra anemia.

A melhor maneira de se tratar a doença é através da prevenção, acabando com os parasitas que se alojam nos pelos dos animais e no ambiente.

Fonte: A critica

Adaptação: Revista Veterinária

Conheça o Curso de Realização e Interpretação dos Principais Exames Laboratoriais em Pequenos Animais

Realizaçao e interpretação exames  dos principais exames laboratorias em pequenos animais

Notícias

Comentários
Newsletter
Receba as novidades da
Revista Veterinária no seu email!
Sites relacionados
© 2014 Revista Veterinária. Todos os Direitos Reservados.