Aumente seu conhecimento no mundo Veterinário

Junte-se a milhares de apaixonados por animais. Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Técnicas de conservação do sêmen

As técnicas de conservação do sêmen devem ser consideradas, principalmente quando visa o bom resultado com a aplicação da biotécnica de inseminação artificial. O sêmen pode ser conservado através das técnicas de inseminação com sêmen fresco, inseminação com sêmen resfriado e a inseminação com o sêmen congelado. Todas as técnicas visam os melhores resultados, minimizando as perdas com o material a ser inseminado e, consequentemente alcançando os objetivos da reprodução.

A inseminação com sêmen fresco é feita, normalmente com o acréscimo de diluentes próprios, por um período de até duas horas.

O sêmen é diluído com diluentes ricos em açucares, lipídeos e antibióticos na inseminação com sêmen resfriado. Nessa técnica o material é mantido a temperatura de aproximadamente 5ºC, podendo ser utilizados por um período de até 48 horas depois da colheita, sem que haja comprometimento da capacidade de fecundação e assim, dos resultados finais.

Na inseminação com sêmen congelado, o material precisa passar pelos mesmos processos que passa na refrigeração, mas neste, é utilizado diluente próprio para o congelamento, protegendo a integridade da membrana tanto no processo de congelamento como no descongelamento.O congelado com sucesso do sêmen possibilita que o material seja guardado por anos, se conservado em temperatura de 196°C em tanques de nitrogênio líquido.

A utilização das técnicas adequadas de conservação do sêmen são importantíssimas quando se fala em reprodução animal, uma vez que, possibilita o aproveitamento de animais que possuem alto valor genético, além de guardar o material genético de animais que venham a morrer.

 

Fonte: http://faef.revista.inf.br/imagens_arquivos/arquivos_destaque/j1OsKEw0s5EtDHD_2013-8-13-18-21-19.pdf

 

Inseminação como ferramenta no melhoramento genético.

Métodos de coleta e avaliação do sêmen de garanhões.

Áreas

Destaques

Equinos

Deixe seu comentário:

Comentários

Esta publicação não possui comentários.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado
(Campos com * são obrigatórios)

Conecte-se ao mundo Veterinário gratuitamente!



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.
Sites relacionados
Revista Agropecuária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2018 Revista Veterinária. Todos os Direitos Reservados.