Aumente seu conhecimento no mundo Veterinário

Junte-se a milhares de apaixonados por animais. Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Contenção de animais domésticos

A contenção dos animais é feita quando há necessidade de se realizar a avaliação ou execução de outros procedimentos, como fazer curativos, administrar medicamentos, colher material para exame, entre outros.

A contenção deve ser feita para a avaliação de qualquer animal, mesmo que o animal pareça mais dócil, meigo e inofensivo, uma vez que a simples palpação, por exemplo, de uma área com sensibilidade aumentada pela dor, fará com que o animal se defenda, podendo causar sérios acidentes.

Para a realização dos exames de maneira satisfatória, segura e tranquila o animal deve ser contido de maneira adequada. Os principais objetivos da contenção são: proteger o examinador, o auxiliar e o animal; facilitar o exame físico; evitar fugas e acidentes como fraturas; permitir procedimentos diversos, como medicação injetável, curativos, cateterização, exames radiográficos, colheita de sangue, entre outros.

As manipulações físicas devem ser realizadas com calma, evitando movimentos bruscos ou violentos, que possam alterar os parâmetros vitais em virtude do estresse, principalmente dos animais com comportamento mais arredio.

O primeiro passo é fazer a socialização com o animal, pois a abordagem errada pode ser fatal, desencadeando comportamento agressivo por parte do animal, e prejudicando o correto diagnóstico. O examinador deve chamar o animal pelo nome e fazer carinho, mantendo uma relação amigável e confiável antes da realização de qualquer procedimento.

Outra forma de manter o animal calmo é apresentar um ambiente tranquilo, iluminado, sem muita interrupção de pessoas ou outros barulhos, como chamadas telefônicas. A observação destes procedimentos facilitará a manipulação, propiciando um melhor relacionamento entre o ser humano e o animal, evitando acidentes.

 

Fonte: https://social.stoa.usp.br/articles/0031/7323/2_conten%C3%A7%C3%A3o_F%C3%ADsica_dos_Animais_Dom%C3%A9sticos.pdf

 

Saiba mais sobre avaliação ultrassonográfica do baço: aparência normal e principais anomalias associadas.

Técnicas de varredura abdominal em pequenos animais.

Áreas

Artigos

Destaques

Pequenos Animais

ULTRASSOM VETERINÁRIO: 10 Técnicas de Diagnóstico em Pequenos Animais
Deixe seu comentário:

Comentários

Esta publicação não possui comentários.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado
(Campos com * são obrigatórios)

Conecte-se ao mundo Veterinário gratuitamente!



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.
Sites relacionados
Revista Agropecuária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2018 Revista Veterinária. Todos os Direitos Reservados.