Aumente seu conhecimento no mundo Veterinário

Junte-se a milhares de apaixonados por animais. Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Você já ouviu falar no Espirro Reverso em Cães?

De uma série de enfermidades em cães é cada vez maior as chances de nos depararmos com diversos sinais equivocados.

Você provavelmente já se deparou com algum cão emitindo um som diferente, como se tivesse engasgando ou com falta de ar, não é mesmo?

Esse estranho som, em grande parte dos casos, pode estar relacionado a uma anomalia chamada de Espirro Reverso em Cães, também conhecido como Respiração Paroxística Inspiratória, que acontece principalmente em animais com o focinho achatado (branquicefálicos).

Enquanto no espirro normal o ar é expelido dos pulmões para fora do nariz, nesta situação ar é puxado para dentro do nariz, ocasionando sons estranhos. Esse fator pode ocorrer durante alguns segundos, com oscilações entre casos brandos ou mais sérios ao longo da vida.

Alguns proprietários destes animais chegam até mesmo a confundir este espirro com engasgamento, acreditando estar ocorrendo algo mais grave com o animal e que necessite de primeiros socorros.

Esta situação, quando ocorre poucas vezes, pode ser considerada dentro do padrão normal. Porém, demasiadamente, pode ser motivo de tratamento orientado por algum profissional especializado, que saberá identificar as causas.

Os motivos destes espirros podem estar relacionados a diferentes fatores, como irritação na garganta, problemas na faringe, exercícios físicos em demasia, alergias, mudanças bruscas de temperatura, dentre outros fatores. 

Durante estas crises, o proprietário também pode fazer a sua parte, por meio de pequenas atitudes, tais como assoprar levemente o nariz do animal, fornecer-lhe água e realizar uma pequena massagem na garganta, com o intuito de acalmar o animal e normalizar a situação.

Aposto que dessa você não sabia né? Situações assim são rotineiras e despertam a preocupação dos proprietários e até mesmo dos profissionais veterinários.

E sobre a síndrome do gato nervoso, você já ouviu falar ou sabe o que é?

Felinos são animais super ativos e que despertam muitas curiosidades em algumas atitudes. Confira mais sobre o assunto. Clique aqui.

Fonte: Tudo sobre Cachorro

Áreas

Clínica Médica

Curiosidades

Cursos

Destaques

Notícias

Parceiros

Pequenos Animais

ULTRASSOM VETERINÁRIO: 10 Técnicas de Diagnóstico em Pequenos Animais
Deixe seu comentário:

Comentários

Esta publicação não possui comentários.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado
(Campos com * são obrigatórios)

Conecte-se ao mundo Veterinário gratuitamente!



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.
Sites relacionados
Revista Agropecuária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2017 Revista Veterinária. Todos os Direitos Reservados.