Alckmin lança Programa Cão-Guia

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Alckmin lança Programa Cão-Guia e anuncia construção de Centro de Referência na USP

O governador Geraldo Alckmin lançou nesta quarta-feira, 20, o Programa do Cão-Guia e anuncia a construção do Centro de Referência para o Cão-Guia em um prédio sustentável, na USP. A assinatura do decreto de lançamento do programa teve a presença da secretária dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Linamara Rizzo Battistella, que afirma ser esse programa de fundamental importância no sentido de garantir maior autonomia e independência para as pessoas com deficiência visual e um avanço na inclusão das pessoas com deficiência e, consequentemente, na garantia dos Direitos Humanos para todos os cidadãos.

O projeto tem como objetivo a implementação do Centro de Referência para o Cão-Guia em parceria com a Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP (FMVZ). Além da criação e treinamento de cães-guia para pessoas com deficiência visual, o programa definirá os parâmetros em relação ao uso do cão-guia e os métodos de treinamento.

Os filhotes de cachorro que farão parte do treinamento serão entregues, num primeiro momento, a uma família adotiva, selecionada pelo programa, que cuidará do cão durante um ano. Eles serão visitados mensalmente por um membro do Centro para verificar seu desenvolvimento.

Após o primeiro ano com a família, o cão é encaminhado ao Centro de Treinamento, passará por um adestramento intensivo, específico para guia de cegos. Nessa etapa, o animal será avaliado permanentemente por treinadores qualificados, contratados pelo centro e avaliados clinicamente por veterinários da FMVZ. O treinamento terá duração de quatro a seis meses, dependendo da evolução do animal.

Ao fim do treinamento, os cães serão encaminhados às pessoas com deficiência visual gratuitamente.

Estima-se que no Brasil haja cerca de 16 milhões de deficientes visuais, dos quais aproximadamente 2,6 milhões estejam no Estado de São Paulo.

Instalações: O prédio do Centro de Referência foi planejado para ser um edifício sustentável, levando em consideração o respeito ao meio ambiente. Ele terá captação de água de chuva para reuso e prevê o uso de equipamentos de geração de energia passiva (como a energia solar).

Além disso, as áreas de canis, destinadas à permanência, apoio, tratamento e treinamento, terão baias cobertas e descobertas para cães em treinamento, maternidade e filhotes, isolamento, adoção e  sala de banhos para os cães. O local terá capacidade para até 92 cães.

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Adaptação: Revista Veterinária

Conheça o Curso de Emergência e Pronto Atendimento em Cães e Gatos

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 26 de abril de 2011

Artigos Relacionados com Pequenos Animais: