Caracterização da obesidade em pets

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A obesidade em cães e gatos é considerada uma doença grave, uma vez que, predispõe a alterações mórbidas, como problemas articulares e cardíacos, infecções, infertilidade e diabetes, e, consequentemente redução da qualidade e da expectativa de vida.

A obesidade ocorre quando a quantidade de alimento, ou seja, energia ingerida é maior que a quantidade de energia necessária para a sobrevivência, quando o animal come mais do que necessita.

O excesso de alimento se acumula no organismo em forma de gordura, que leva ao desenvolvimento da obesidade. A doença se agrava, pois é decorrente de vários fatores, como o desenvolvimento de alimentos altamente palatáveis, sedentarismo, predisposição genética, idade e status reprodutivo.

Quando diagnosticada a obesidade é necessário acompanhamento médico veterinário. Ele indicará dietas com restrições calóricas, indicando a melhor ração e a quantidade adequada para cada caso, sem provocar prejuízo à saúde do paciente.

Os animais também devem ser reeducados no que se relaciona a alimentação, ou seja, é preciso estabelecer horários para as refeições e não oferecer petiscos e guloseimas. Os animais com sobrepeso ou obesidade também devem realizar atividades físicas.

Fonte: Revista Nosso Clínico

 

Qual a dieta ideal para seu pet?

Quais as principais doenças ligadas à má alimentação?

Quais os nutrientes básicos de uma ração?

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Atualizado em: 11 de fevereiro de 2015

Artigos Relacionados com Pequenos Animais: