Clonagem de gatos já é realizada nos EUA

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O mercado voltado à área PET apresenta importantes números econômicos, além de um crescimento acima da média em todo o mundo.

Cuidados com os bichinhos de estimação, desde banhos, alimentação, odontologia, até cirurgias, estão cada vez mais comuns nas cidades e apresentando evolução em acessibilidade e tecnologia empregada.

Uma empresa americana, buscando inovar este rentável e promissor mercado, desenvolveu um método aplicado a gatos, que permite a clonagem desses felinos.

A Genetic Savings and Clone, com sede próxima de São Francisco, realiza clonagem de gatos por 50 mil dólares. A intenção é realizar, com maior sucesso, o procedimento tornando-o acessível também para a clonagem do “melhor amigo do homem”: os cães.

O sucesso com a clonagem de cães ainda é baixa, havendo muitos nascimentos de animais deformados e poucos com sucesso, para a tristeza dos proprietários mais apegados aos seus amigos.

Para realizar a clonagem é necessário fazer uma retirada de DNA do estômago do animal vivo ou imediatamente após a sua morte.

Por ser um tratamento oneroso e ainda inicial, sendo acometido por muitos problemas, as associações de defesa dos animais criticam esta prática, visto que acreditam que ao invés de clonar, as pessoas poderiam adotar os milhares de cães e gatos diariamente mandados a abrigos.

Fonte: Redevet

Adaptação: Revista Veterinária

 

 

Conheça o Curso de Anestesias em Pequenos Animais

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 7 de agosto de 2012