Como combater piolhos em caprinos

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Pediculose ou infestação de piolhos é uma doença que afeta muito o bem estar e a produção de caprinos. É causada, principalmente, pelas más condições higiênicas do criatório.

Existem dois tipos de piolhos: mastigador (Malófago) e sugador (Anoplura). Os piolhos ocorrem durante todos os meses do ano, porém, com maior intensidade na época seca. Sua presença em um rebanho pode ser facilmente detectada pelo exame dos pelos dos animais, preferencialmente, na linha dorso lombar e na garupa. No entanto, podem se localizar em outras regiões do animal, causando coceira e irritação da pele, inquietação e emagrecimento, podendo levar os animais à morte.

Os piolhos podem ser controlados mediante pulverização ou banho dos animais com produtos à base de piretróides (inseticidas de baixa toxicidade aos animais). Também pode ser utilizada uma calda a base de Melão-de-São-Caetano. Essa calda deve ser bem forte, podendo ser obtida a partir de um quilo de folhas verdes de Melão-de-São-Caetano (planta daninha) para cada 10 litros de água. As folhas devem ser maceradas ou trituradas e misturadas à água.  Após esse processo, a mistura deve ser filtrada (coada) com pano e utilizada para banhar os animais. Quando da aplicação de produto químico para controle dos piolhos, os seguintes cuidados devem ser tomados, como, aplicar o produto de preferência pela manhã e misturar o produto com água, de acordo com a recomendação do fabricante. Repetir o tratamento após dez dias.

Para evitar a ocorrência de piolhos nos caprinos, devem ser realizadas inspeções periódicas do rebanho, para detectar a possível ocorrência do parasita. Além disso, deve-se evitar a entrada de animais com piolhos na propriedade.

 

Fonte: Site Rural Pecuária

Adaptação: Revista Veterinária

Conheça o Curso de Primeiros Socorros em Ovinos

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 1 de junho de 2011

Artigos Relacionados com Caprinos e ovinos: