Componentes sanguíneos: importância do conhecimento

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A composição do sangue é uma parte líquida e outra celular. A parte líquida, denominada plasma quando com anticoagulante, contém o fibrinogênio e o soro quando sem anticoagulante, contém os mais variados solutos orgânicos, como minerais, enzimas, hormônios, e outros. Já a parte celular é composta pelos eritrócitos, leucócitos e trombócitos.

O sangue tem como sua principal função o transporte de substâncias essenciais para a vida das células. Essas substâncias são o oxigênio, dióxido de carbono, nutrientes e hormônios, que podem ser de produtos originários do metabolismo, indesejáveis ao organismo, os quais são levados aos órgãos de excreção.

Dentro da rotina laboratorial o exame de sangue é muito solicitado, uma vez que o hemograma é prático, econômico e muito útil na prática da medicina veterinária. O exame divide-se em duas partes: o eritrograma que compreende a contagem total de eritrócitos, dosagem de hemoglobina e hematócrito e o leucograma.

O exame pode ser solicitado como um procedimento de screening que visa avaliar a saúde do animal; como auxílio na avaliação do paciente ou do diagnóstico; para verificar a habilidade corporal e às infecções; e ainda para avaliar o desenvolvimento de certas doenças.

 

Fonte: www.ufrgs.br/lacvet/livros/Analises_Clinicas_Vet.pdf

 

Saiba mais sobre a bioquímica aplicada na Clinica de Pequenos Animais

Conheça as técnicas hematológicas.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 24 de junho de 2015