Curso de Transferência de Embriões em Equinos

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A equinocultura apresenta importância crescente no agronegócio, segundo a CNA em 2006, o Brasil possuía 8,5 milhões de equinos, movimentando por ano R$ 7,3 bilhões, 600 mil empregos diretos e 3,2 milhões indiretos. Demonstrando, assim, participação relevante nos campos social e econômico.

Para favorecer a equinocultura, existem algumas técnicas que atuam de maneira positiva, dentre elas destaca-se a Transferência de Embriões (TE). A TE consiste na estimulação hormonal dos ovários de uma fêmea de alto valor genético (doadora), seguida da inseminação artificial, para a obtenção de embriões, que serão coletados e transferidos para fêmeas receptoras (“barrigas de aluguel”).

A TE em equinos é empregada com sucesso como uma importante ferramenta para o melhoramento genético, pois permite a multiplicação do material genético de fêmeas de alto valor.

Apesar de sua importância, esta técnica ainda é pouco difundida, e poucos profissionais encontram-se atuando de forma bem sucedida, em relação à demanda potencial do Brasil. O aprendizado da Técnica de Transferência de Embriões por meio de um treinamento teórico-prático, de forma intensiva e bem orientada, permitirá ao aluno ampliar seus conhecimentos técnicos para a sua inserção em um mercado profissional restrito e de alta valorização.

Destacamos também, que a biotecnologia em reprodução de equinos é uns dos ramos da medicina veterinária que gera maior volume de serviços para os médicos veterinários que atuam na área de equinos.

 

Clique aqui para ver a programação completa!

 

CPT Cursos Presenciais – www.cptcursospresenciais.com.br

Telefone: (31) 3899-8300

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 4 de maio de 2011

Artigos Relacionados com Equinos: