Estratégia eficiente no tratamento da anaplasmose em bovinos submetidos ao processo de imunização

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Tristeza Parasitária Bovina afeta os animais de regiões tropicais e subtropicais e é causada pela associação de agentes causadores de Babesiose e Anaplasmose, que se multiplicam no sangue (hemoparasitas), levando à destruição das hemácias, ocasionando os principais sinais clínicos, como febre, prostração e anemia. O principal vetor da Babesiose é o carrapato, por outro lado, o agente causador da Anaplasmose é transmitido, principalmente, por moscas hematófagas.

A introdução de animais oriundos de áreas livres de carrapatos, no rebanho, deve ser precedida por um período de adaptação, quando se realiza a imunização, evitando-se maiores prejuízos. Esse processo visa ao desenvolvimento da imunidade contra os hemaparasitos dos gêneros Anaplasma e Babesia, que podem ser letais para os bovinos não imunizados.

Torna-se muito importante a atenção aos sinais clínicos da Anemia em bovinos, assim como aos da Tristeza Bovina, sendo o principal deles, a prostração.

Fonte: Revista Mundo do Leite

Adaptação: Revista Veterinária

 

 

 

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 2 de junho de 2011

Artigos Relacionados com Bovinos: