Pododermatite em ovinos pode contaminar rebanho inteiro

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A pododermatite é uma doença altamente contagiosa, que pode contaminar rapidamente todo o rebanho e causar a morte dos animais. Causada por bactérias e que traz um grande sofrimento aos animais, que passam a ter dificuldades de se locomover para se alimentar, culminando em emagrecimento e dores, até se chegar ao óbito.

Em grande parte dos casos, ocorridos principalmente em épocas quentes e úmidas, o proprietário só descobre a doença quando a mesma já está em estágio avançado.

Por isso é sempre importante que se verifique, periodicamente, o estado dos cascos do animal, onde são apresentados os primeiros sinais, como lesões e erupções avermelhadas e esbranquiçadas, além de quedas dos mesmos. Animais mancando são também outro sinal a ser considerado.

A melhor prevenção para a doença está na higiene dos estabelecimentos e dos cascos, além de vacinas específicas, para que a bactéria seja combatida.

Outra dica da prevenção é queimar os pedaços de cascos que ficam no chão, provindo de animais infectados, para evitar a proliferação da bactéria e contaminação do restante do rebanho.

Os animais infectados devem ainda ser afastados para receber o tratamento, a base de antibióticos e penicilina.

Sendo assim, no primeiro sinal, é preciso chamar imediatamente o médico veterinário, especializado no assunto, o qual irá orientar o produtor sobre as primeiras medidas contra a doença.

 

Em algumas situações quando o caso clínico do animal é grave, é necessária a intervenção cirúrgica. Saiba mais.

Fonte: Dia de Campo

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 10 de novembro de 2016

Artigos Relacionados com Caprinos e ovinos: