Salmonelose suína

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A salmonelose também é conhecida como paratifo dos leitões. Quando os animais são acometidos apresentam pneumonia popularmente conhecida como batedeira.

A salmonelose é infecciosa e acomete os animais entre cinco semanas a quatro meses. Os animais podem ser acometidos pela forma aguda da doença, com morte súbita ou acompanhada de enfraquecimento, dificuldade para locomover e manchas avermelhadas na pele. Na forma crônica da doença os animais apresentam febre, dificuldade para respirar, falta de apetite e diarreia que pode ser esverdeada, amarelada ou sanguinolenta e com mau cheiro.

Os animais são infectados por meio de alimentos contaminados ou pela introdução de algum animal contaminado no plantel. A prevenção é feita com a vacinação das fêmeas nos últimos meses de gestação e, nos leitões, aos sete dias de vida e décimo quinto. É preciso também tomar medidas de higienização das instalações, separar e tratar os animais diagnosticados positivamente, evitar o excesso de animais em um mesmo lugar e sempre deixar os animais recém-chegados em quarentena.

 

Fonte: http://www.suinos.com.br

 

Saiba como fazer o planejamento das atividades na suinocultura.

Programa da qualidade na produção de suínos

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 9 de março de 2015

Artigos Relacionados com Suinos: