A lipidose hepática em gatos

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  

A Lipidose Hepática é uma doença caracterizada por excesso de gordura no fígado, muito comum em gatos obesos, cuja origem está relacionada a um quadro de anorexia prolongado.

Como o fígado desempenha uma função primordial na vida do animal, ao filtrar toxinas e eliminá-las do organismo, o comprometimento do órgão pode inclusive culminar com a morte do animal, caso nenhum tratamento seja realizado.

Os principais sinais da Lipidose Hepática são a própria anorexia, vômitos e secreções. Já o diagnóstico passa por exames de sangue, avaliação do fígado por ultrassom e até mesmo biópsia.

Já o tratamento mais eficaz consiste na readequação alimentar, muitas vezes através de uma sonda, além de tratar a causa (anorexia) e contar com um acompanhamento constante da recuperação do animal.

Importante ressaltar que a anorexia é causada, em grande parte, por situações de estresse impostas ao animal, como mudanças bruscas na dieta ou de casa, maus tratos, dentre outros. Caminhar na contramão disso é, portanto, o melhor meio de prevenir a doença.

O exame de ultrassom é o mais indicado para verificação da alteração do órgão, mas para que o diagnóstico seja eficiente o profissional deve ter amplo conhecimento e saber como ministrar de forma correto o aparelho.

Interessado pelo assunto? Então confira um pouco mais sobre esse aparelho que vem proporcionando inúmeros benefícios na medicina veterinária. Clique aqui.

Fonte: Portal Medicina Felina

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Artigos Relacionados com Clínica Cirúrgica em Pequenos Animais: