Anestesia em equinos: Escolha a técnica correta

  •   
  •   
  • 200
  •  
  •  
  •  
  •  

A anestesia em equinos não é um procedimento simples, precisa de atenção especial. Pois, cavalos são animais de grande porte, e sua remoção da propriedade até o local especializado para a cirurgia se torna complicada. Por isso a maioria dos procedimentos são realizados a campo. Assim, o número de aparelhos utilizados é limitado e a escolha precisa ser muito bem planejada.

Outro ponto importante, é que para a realização de qualquer procedimento na área de medicina veterinária, escolher a técnica e a anestesia correta é fundamental. E mais, elas serão fatores determinantes no sucesso. Por isso, nesse artigo falaremos justamente sobre isso.

Acompanhe com a gente!

Desafios na aplicação da anestesia em equinos

O anestesiologista encontra alguns desafios quando o assunto é anestesia equina. Seja no processo de indução, manutenção, e recuperação do animal. Isso, não só por conta do tamanho, mas também do temperamento de cada equino. Os procedimentos acabam se tornando perigosos para o animal e para o médico veterinário. Imagine um cavalo de grande porte e com características agressivas. Por isso e muito mais , é tão importante o treinamento especializado.

Vale lembrar que antes de qualquer escolha e aplicação da anestesia em equinos, é preciso submeter os animais a exames clínicos. Pois, só eles poderão confirmar se estes estão saudáveis e aptos para serem submetidos.

Com relação aos riscos, eles existem na aplicação em qualquer espécie. Porém, quando se trata da anestesia em equinos, eles são um pouco maiores. Isso, porque é comum ocorrer a elevação da depressão cardiorespiratória nos cavalos durante a anestesia.

Caso ocorra alguma situação de emergência, é fundamental que você médico veterinário saiba fornecer os primeiros socorros de forma rápida e eficiente.

Tipos de anestesias utilizadas em equinos

A anestesia geral age diretamente no sistema nervoso central dos animais e leva a hipnoses, analgesia e relaxamento muscular. Os animais não sentem qualquer tipo de dor ou sensibilidade. Então, ela é mais indicada para situações em que a anestesia local juntamente com tranquilizantes não são suficientes para os procedimentos mais invasivos. Por exemplo, em situações em que é necessário explorar cavidades ou até mesmo reparar fraturas.

As principais situações em que são utilizadas anestesias gerais:

– Orquiectomia

– Criptorquiequitomia

– Herniorrafia umbilical

-Tenotomias

– Desmotomias

– Exérese de fragmentos ósseos

– Enucleação, remoção de neoplasias superficiais

– Suturas de feridas extensas

– Remoção de corpos estranhos

A anestesia local também é utilizada. Porém, mais do que escolher a adequada , é fundamental aplicar de forma correta. A propósito, a forma de aplicação irá fazer toda a diferença. Ela pode acontecer das seguintes formas:

– Injetável

– Inalável

– Ingestão de fármacos

– E tranquilizantes

Aplicação da anestesia em equinos

Inicialmente é feita a aplicação do medicamento pré-anestésico com o objetivo de sedar o animal. Então, os equinos ficam mais tranquilos. Combinadamente é feita a aplicação de medicamentos indutivos com o objetivo de prevenir quedas e acidentes. Ainda mais, são aplicados medicamentos para manutenção e estes variam de acordo com o tipo de duração do procedimento.

É indicado que os animais façam jejum alimentar de 12 horas antes de serem anestesiados. Caso, a cirurgia precise ser feita emergencialmente em algumas situações é recomendado fazer o esvaziamento do estômago. Antes do início do procedimento é recomendado ainda que seja feita a cateterização da veia jugular com o objetivo de realizar a manutenção do acesso venoso durante o procedimento anestésico.

Fatores que devem ser observados

O fato é que o procedimento anestésico de sucesso seja ele simples realizado a campo ou cirurgias complexas e invasivas vão depender de uma série de fatores. Então, a indução realizada de forma tranquila para o animal, evitando estresse, e a manutenção deve ser estável e segura. Assim, é fundamental que você médico veterinário esteja muito bem preparado. Pois o procedimento requer tomada de decisão rápida, que só um profissional capacitado será capaz de executar. Também, caso seja possível é indicado analisar o histórico dos animais e a predisposição para determinadas doenças.

No curso de anestesia em equinos a campo do CPT Cursos Presenciais, você aprenderá todas as técnicas na prática. Aliás, os cursos são ministrados pelos melhores especialistas do país. Sem dúvida você estará ainda mais capacitado para atender as demandas do mercado.



Fonte: Escola do cavalo e Noções de anestesia em equinos

  • 200
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 12 de março de 2019

Artigos Relacionados com Equinos: