Doenças infecciosas que prejudicam os rebanhos bovinos

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os maiores gargalos da produtividade bovina estão relacionados, sem dúvida, às doenças infecciosas, causadas principalmente por vírus e bactérias, contraídas por diferentes maneiras. 

Estas doenças são responsáveis por grande parte dos prejuízos nas criações de todo o mundo, gerando um impacto altamente negativo nos bovinos, principalmente por conta dos gastos com medicamentos e equipamentos, sem se falar na queda da qualidade das carcaças e do leite.

 A brucelose, leptospirose, rinotraqueíte são apenas alguns exemplos destas doenças, que atingem animais de todas as idades.

Embora o Brasil ocupe as primeiras colocações no ranking de produção e exportação de carne bovina, se não fossem estas enfermidades o segmento poderia estar ainda melhor.

Por isso, nunca foi tão importante conhecer estas doenças, e, principalmente, realizar ações corretas de manejo de modo a preveni-las.

A procura por equipamentos adequados que irão auxiliar o profissional e manter um bom acompanhamento do animal é cada vez mais frequente. Confira.

Fonte: Farming

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 18 de julho de 2017