Inseminação artificial em cadelas

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  

A inseminação artificial em cadelas como contribuição na reprodução animal remete a tempos antigos, sendo a primeira experiência relatada no século XVIII. 

Embora o método seja atualmente menos comum do que em bovinos, que recebe milhões de investimentos no mundo inteiro, ela vem crescendo consideravelmente por oferecer vantagens para os proprietários dos animais e para a saúde dos mesmos.

Através desse processo é possível escolher o macho da mesma raça, sem que o mesmo esteja por perto. Importante ainda para se evitar a diferença de tamanhos dos animais, afim de não gerar riscos durante o parto, animais com dificuldades de acasalamento, dentre outras.

O sêmen escolhido para o procedimento pode ser congelado ou resfriado, e o método não é doloroso para a cadela, além de ter aproximadamente 80% de chance de efetividade.

A inseminação artificial em cadelas requer a presença de um médico veterinário especializado no assunto, pois somente ele poderá fazer o monitoramento adequado da cadela na fase do estro, o que garantirá o sucesso do procedimento.

 

Esse monitoramento pode ser realizado através do aparelho de ultrassonografia. Além de outros equipamentos utilizados no procedimento de inseminação artificial. Confira aqui.

Fonte: Cachorro Gato

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Artigos Relacionados com Pequenos Animais: