Novas espécies de animais exóticos são descobertos na Ásia.

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  

Um estudo realizado ano passado pela ONG WWF (Fundo Mundial para a Natureza), na região de Grande Mekong na Ásia , mostrou um relatório em que divulga 208 novas espécies de animais, ainda desconhecidas pelo homem.

 Essa região abrange várias outras, cortadas pelo rio Mekong, e se estende por Mianmar, Camboja, China, Laos, Tailândia e Vietnã. Lá, existe uma grande biodiversidade de animais e vegetais, o que atraiu a ONG para realizar pesquisas. Dentre as espécies descobertas está o macaco Rhinopithecusstrikeri, que possui um topete semelhante ao do Elvis Presley, encontrado na selva birmanesa. É conhecido pelos habitantes do estado de Kachin por espirrar quando chove. Isso acontece porque o animal não possui nariz, fazendo com que a água entre pelas fossas nasais. O primata ainda não foi fotografado, embora sua existência tenha sido amplamente documentada pelos cientistas. Também foram encontrados 28 novos répteis, já catalogados como a salamandra psicodélica (Cnemaspispsychedelica), chamada assim por suas cores chamativas, e os lagartos Leiolepisngovantrii (foto), cuja espécie compõe-se somente de exemplares femininos, que se reproduzem por clonagem.  O relatório do WWF também inclui cinco tipos de plantas carnívoras, na Tailândia e Camboja, capazes de engolir ratos, lagartos e até aves menores. Segundo a ONG, cerca de 1.000 novas espécies foram descobertas entre 1997 e 2007 na região.

A ONG mostrou que esta região possui grande biodiversidade, mas corre muito perigo devido à ameaça humana, com a caça e o desmatamento. “Embora estas espécies sejam novas para a ciência, muitas já estão lutando para sobreviver em um habitat cada vez mais reduzido”, advertiu Stuart Chapman, diretor do WWF para o Grande Mekong.

Fonte: Globo Rural online

Adaptação: Revista Veterinária

Conheça o Curso de Interpretação Ultrassonográfica em Pequenos Animais

 

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •