Projeto de incentivo ao melhoramento genético em gado de leite, melhora a produção no RJ.

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  

Um Programa da Prefeitura de Valença, região sul do Rio de Janeiro, esta melhorando o rebanho bovino dos produtores de leite da cidade e região. O projeto viabiliza sêmen de qualidade e assistência técnica.

O programa que incentiva o Melhoramento Genético do gado de leite da região, tem como prioridade atender aos produtores que têm em média um rebanho com 10 vacas e sustentam a família com esta produção. Os coordenadores do programa visitam cinco propriedades por semana e realizam o processo de inseminação nos animais, em média, 100 por mês.

Aproximadamente 1.200 produtores rurais se dedicam ao gado leiteiro no município. Até agora, 1.800 vacas foram inseminadas desde que o programa foi lançado, há quase dois anos.

O produtor não paga nada pelo serviço e nem pelo sêmen, que é comprado de centrais especializadas de Minas Gerais e interior de São Paulo. O material genético é de gado holandês ou girolando.

O criador João Carlos Furtado que vive da produção de leite em Valença é um dos produtores que fazem parte do Programa, depois que as vacas foram inseminadas com sêmen de animais melhorados, ele viu a produção de leite triplicar.

Das quatro inseminações feitas o ano passado, três deram certo. Delas nasceram duas fêmeas e um macho. João Carlos espera sucesso com a nova tentativa e diz que as inseminações trouxeram economia e qualidade para o gado.

 

Fonte: G1

Adaptação: Revista Veterinária

 

Conheça o Curso de Inseminação Artificial em Tempo Fixo em Bovinos (IATF Avançado)

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •