Rinotraqueíte Felina

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  

Uma doença felina causada por vírus e que atinge o sistema respiratório destes animais principalmente nos primeiros meses de vida, a Rinotraqueíte, é responsável por cerca de 45% das infecções em gatos domésticos de todo o mundo.

A transmissão ocorre por meio de contato direto com a secreção de animais contaminados, entretanto não é capaz de atingir os seres humanos.

Nas fêmeas prenhas a doença pode inclusive causar abortos.

Outra característica peculiar desta doença é a sua capacidade de se manifestar em vários momentos ao longo da vida, dependendo do nível de estresse a que o animal é submetido. Portanto, sua cura completa é algo muito difícil.

Espirros, secreções no nariz e olhos, respiração ofegante e febre são os sinais mais comuns da Rinotraqueíte,

O diagnóstico da doença deve ser realizado por um médico veterinário, por meio de testes em laboratório, com amostra de secreções dos animais, para detectar o vírus.

Já o tratamento vai depender do grau da doença, sendo que pode incluir a medicação composta por colírios e antiinflamatórios para amenizar febre e dores.

A prevenção consiste na vacinação em dia e evitar que o animal esteja em locais fechados com outros que podem estar contaminados. Já no caso do animal estar infectado, é preciso isolá-lo dos demais.  A higiene dos ambientes também colabora contra o vírus.
 

Atualize-se sobre a medicina felina e saiba quais os procedimentos adequados a serem aplicados nessas situações. Clique aqui.

Fonte: Cachorro Gato

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Artigos Relacionados com Clínica Médica em Pequenos Animais: