Vacina para impedir que cães infectados transmitam leishmaniose

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  

Realizar eutanásia de cães infectados pela leishmaniose ainda é uma medida adotada pelo Ministério da Saúde, a fim de evitar a contaminação de seres humanos. O Instituto de Ciências Biológicas (ICB) vem trabalhando na criação de uma vacina para evitar a eutanásia preservando assim a vida do animal.

É o primeiro estudo realizado no mundo, utilizando o próprio transmissor, interferindo no seu ciclo biológico, buscando causar desequilíbrio no inseto. A vacina está sendo criada por pesquisadores da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) e do Centro de Pesquisas René Rachou (Fiocruz/MG).

A pesquisa precisou passar por testes com camundongos e prova de conceito, estes testes confirmaram sua eficiência em bloquear a infecção. Evidências comprovaram que a vacina irá funcionar. Atualmente não existe tratamento para a doença em cães e estudos comprovaram que não se pode usar a vacina nos seres humanos, pois não produz o efeito desejado.

 

O procedimento deve ser acompanhado por um profissional atualizado na área. Saiba mais.

Fonte: UFMG

 

Se você é um Médico Veterinário apaixonado pela área de pequenos animais, temos muito a lhe oferecer. É só clicar AQUI!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Artigos Relacionados com Clínica Médica em Pequenos Animais: