Utilização da acupuntura no tratamento de pequenos animais!

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  

acupuntura em pequenos animais Há tempos já tem sido usada a técnica de acupuntura no tratamento de pequenos animais. Estamos falando de um método que usa como base a estimulação sensorial. O objetivo é provocar a liberação de neuropeptídeos locais e a distância. Aliás, é uma das técnicas milenares mais antigas usada pela tradicional medicina chinesa.

Inicialmente foi empregada na medicina humana e a partir do ano de 1995 foi reconhecida como especialidade também da medicina veterinária. Daí em diante passou a ser usada para auxiliar no tratamento de uma série doenças. A aplicação da acupuntura está diretamente relacionada ao conhecimento sobre a anatomia, embriologia e fisiologia animal.

No início a acupuntura em animais foi empregada no tratamento de cavalos, e hoje em dia é prescrita para diversas espécies de animais. E mais, diferente do que muitos pensam, não causa dor nem reações adversas. Continue a leitura deste artigo até o final e esclareça dúvidas como esta e muitas outras. Boa leitura!

Como funciona o método?

A acupuntura no tratamento de pequenos animais é realizada através da inserção de agulhas em regiões bem específicas do corpo do pet. Estas áreas, são chamadas de pontos de acupuntura ou acupontos. Ainda mais, são microzonas que possuem cerca de 10 mm de superfície. Nesta região da pele há grande concentração de terminações nervosas sensoriais. A partir do estímulo, cada ponto tem uma ou várias funções.

A anatomia de cada espécie a ser tratada precisa ser muito bem conhecida. Aconstituição do animal e os sinais da doença apresentada vão interferir diretamente na definição dos acupontos. A técnica é aplicada em doenças tais como:

  • Digestivas;
  • Musculares;
  • Reprodutivas;
  • Respiratórias;
  • Patologias oculares;
  • Afecções neurológicas;
  • Relacionadas a estrutura óssea.

Existem outras técnicas associadas

Além das doenças citadas acima, a acupuntura é usada como auxílio no pós-cirúrgico e em tratamentos contra dores. Não apenas, mais do que melhorar consideravelmente a vida dos pets, a acupuntura associada a outras terapias e tratamentos pode tornar mais rápido o processo de cura de uma doença. Para isso, o tratamento com agulhas pode ser associado a técnicas de:

Eletroestimulação;

Aplicação de calor;

Ultrassom;

Uso de raio-laser.

Não apenas os cães e gatos são beneficiados

Muitas pessoas relacionam apenas a acupuntura no tratamento de pequenos animais. Porém, a técnica vai muito além, tem resultados em animais de diversos portes. Em bovinos e equinos, por exemplo, o que muda são apenas os tamanhos das agulhas. Os pontos de tratamento da acupuntura são os mesmos.

Em equinos a técnica é muito utilizada em cavalos atletas com o objetivo de atenuar as dores causadas por lesões. Ao mesmo tempo, ajuda a aliviar o estresse por conta de longas viagens e auxilia no fortalecimento do sistema imunológico desses animais. Na pecuária, a técnica também é muito usada em casos de diminuição do estresse e melhoria do sistema imunológico dos bovinos.

Capacitação dos profissionais e situações de contra-indicação

Realizar a estimulação de pontos errados pode agravar ainda mais os sinais apresentados pelos pets. Além disso, pode levar a melhoras apenas parciais e não totais. Então, o procedimento precisa ser realizado por um profissional que realmente esteja capacitado. Ou seja, o ideal é que o médico veterinário seja especializado na técnica.

A acupuntura veterinária é reconhecida pelo Conselho Federal de veterinária como uma especialidade desde o ano de 1995. A ABRAVET é a instituição que fiscaliza os cursos de acupuntura veterinária no Brasil e reconhece a especialização do médico veterinário por meio da concessão do título.

Animais que estejam no período gestacional não devem ser submetidos a acupuntura. Além disso, aqueles que são diagnosticados com dermatites, áreas tumorais ou aqueles que fazem uso de marca-passo.

Viu só como a área de acupuntura no tratamento de pequenos animais é uma alternativa importante para atuação dos médicos veterinários? Por fim, se você é um dos profissionais da área e busca se tornar referência em pequenos animais, temos uma ótima dica.

Nos cursos de pequenos animais do CPT – Presenciais você tem a oportunidade de aprender na prática sobre diversas áreas. E o melhor de tudo, com o diferencial exclusivo onde você terá atenção total por meio do treinamento individual intensivo. Clicando no link abaixo você confere todos os cursos!

Fonte:Blog Cachorro gato, Escola do Cavalo e Boi Saúde

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  


Atualizado em: 10 de junho de 2019

Artigos Relacionados com Pequenos Animais: