A importância dos cuidados odontológicos em cães

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

odontologia - cães e gatosOs cuidados odontológicos em cães são importantes podendo  garantir mais anos de vida ao animal.

O cão quando filhote tem 28 dentes de leite que começam a cair por volta dos 3 meses de idade, depois crescem os dentes definitivos que podem chegar a 42 dependendo da raça. Todos os dentes definitivos do animal estarão posicionados por volta dos 7 meses de idade.

Então a escavação e cuidados são importantes, evitando o bafo, acúmulo da placa bacteriana e tártaro, além de doenças em outros órgãos do corpo, como infecções no coração, doenças no fígado e nos rins.

A falta de escovação e tratamento dentário pode levar o cão a moléstias como a gengivite caracterizada pela inflamação das gengivas, que pode se transformar em periodontite, os sintomas observados são sangramentos e vermelhidão da gengiva, desconforto e dor, além de dificuldade em mastigar. A periodontite é uma moléstia grave, infecção que pode se espalhar pelos tecidos e ossos em que as raízes dos dentes se prendem e o comprometimento destes ossos pode levar a perda dos dentes e é irreversível.O tártaro acumulado nos dentes pode se espalhar por outras partes do corpo se não for cuidado, o coração, o fígado, os rins, o trato intestinal e até as articulações podem ser afetados.

Os cuidados adequados devem ser tomados evitando que os animais sofram com a moléstia. Fazer a escovação diariamente com creme dental e escova de dente ou “dedeira” específico para cães.

Alguns passos podem ser seguidos a fim de acostumar os cães à escovação dental: escolha de local calmo, sem distrações e em um horário tranquilo; deixar o animal se acostumar com a escova e com o creme dental; massagear primeiro os dentes da frente e só depois que o animal se acostumar passar aos outros dentes; a escovação deve parar antes que o animal fique inquieto; escovar de maneira bem gentil e sem fazer força contra a gengiva e fazer movimentos circulares lentos e massagear a linha da gengiva, além da parede dos dentes.

Além desses cuidados o cão deve visitar o médico veterinário com frequência.

Fonte: Bitcão

Adaptação: Revista Veterinária

Conheça o Curso de Odontologia em Pequenos Animais

odontologia em pequenos animais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Atualizado em: 10 de setembro de 2013