Atuação do médico veterinário na inspeção de alimentos de origem animal!

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A inspeção de alimentos de origem animal é fundamental para garantir que os produtos cheguem em condições adequadas a mesa do consumidor. Aliás, houve grande crescimento na comercialização destes produtos, tanto no âmbito interno, quanto nas exportações. O que trouxe a necessidade de uma fiscalização mais rigorosa que proporcione segurança alimentar.

Nesse sentido, o médico veterinário tem papel fundamental e atua em diversos elos da cadeia de produção pecuária. Afinal, sua profissão é voltada para a saúde coletiva.

Em muitas propriedades, o veterinário é responsável por desenvolver ações para aumentar a produtividade do rebanho em larga escala. Além disso, tem o importante papel de acompanhar todo o processo de transformação da matéria prima. Desta forma, garante que as condições higiênico-sanitárias sejam mantidas.

Neste artigo você vai conhecer um pouco mais sobre este importante campo de atuação que ainda é desconhecido por muitos. Boa leitura!

De que forma atua o inspetor sanitário?

Inspeção de alimentos

A lei 5.517 dispõe sobre o exercício da profissão do médico veterinário. Ficou definido que é de responsabilidade deste profissional a inspeção de alimentos e fiscalização do ponto de vista sanitário, higiênico e tecnológico nos estabelecimentos frigoríficos, matadouros, usinas e fábricas de alimentos.

A inspeção consiste na verificação de possíveis alterações que torne os alimentos impróprios para o consumo humano. Então, além de acompanhar a cadeia produtiva o médico veterinário é responsável por decidir o que é está em condições próprias para consumo e condenar aqueles que são impróprios. E mais, outras atribuições são:

  • Coordenação das equipes;
  • Inspeção das linhas de abate;
  • Rastreabilidade dos produtos;
  • Garantia do abate em condições seguras.

Alguns setores de atuação

Matadouros: Os serviços veterinários extrapolaram o nível de fazenda, se estenderam até setores como os matadouros. Onde a responsabilidade inclui a vigilância das epidemiologias animais buscando eliminar possíveis fontes de efeitos negativos para a saúde humana.

Exportação: Antes de serem exportados, os produtos de origem animal precisam estar de acordo com os critérios e normas de saúde animal e segurança alimentar. É a autoridade veterinária responsável por garantir a certificação em relação às doenças e higiene da carne.

Inspeção de surtos: Grande parte da contaminação dos alimentos é causada por agentes zoonóticos que provocam surtos. Quando identificados, estes surtos são investigados por serviços veterinários que realizam todo o caminho de volta percorrido dentro da cadeia. Desta forma, é possível adotar as medidas cabíveis para que o agente de contaminação seja eliminado.

Órgão Públicos: Além de trabalhar em indústrias e comércios, os órgãos públicos são outro campo que demanda profissionais para inspeção de alimentos. Alguns dos órgão que oferecem oportunidade para esta área são:

MAPA;

Prefeituras;

Universidades;

Ministério da saúde.

Viu como a inspeção de alimentos abrange diversos setores e representa um importante campo de atuação? Se você é médico veterinário e busca por conhecimento profundo na sua área de atuação, temos uma super dica. Confira no banner abaixo!

Fonte: Food Safety Brasil e CRM Val

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 24 de maio de 2019

Artigos Relacionados com Bovinos: