O mau cheiro em cães

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O famoso salsichinha é o cão mais feroz do mundoO cão é um animal que vem conquistando os lares das famílias, que não medem cuidados e carinho para com o amigo que é considerado parte integrante da família. O que muitos donos não sabem é que muitas vezes o mau cheiro do animal, não está associado somente a falta de cuidados e sim pode ter relação com alguma doença que ocasionam o mau cheiro do animal.

Dentre essas doenças que causa mau cheiro as principais são a malassezia, otite purulenta, bicheira ou miíase, abcesso da glândula ad-anal, doença periodontal e tumores na boca e a pioderma de dobra labial.

A malassezia causa coceira na pele do animal, que é atacada por uma levedura, e fica escura parecida com pele de elefante. A bicheira é causada por feridas infectadas por larvas de moscas e tem um cheiro insuportável de carniça. A otite purulenta é uma infecção do ouvido, que solta bastante secreção amarelada com odor fétido. O cão e também o gato possuem duas glândulas laterais no ânus que secretam um líquido igual aos gambas quando se sentem ameaçados, essa glândula podem infeccionar e produzir produzindo o mau cheiro, é o abcesso da glândula ad-anal. O mau cheiro também pode ser causado pela doença periodontal ou tumores na boca em alta grau de infecção. A pioderma de dobra labial é a infecção da pele por causa da dobra labial inferior causando também mau cheiro.

Assim, o dono deve ficar de olho nos sintomas apresentados pelo animal e sempre leva-lo ao médico veterinário, todas as doenças citadas acima podem e devem ser tratadas.

Fonte: Petcare

Adaptação: Revista Veterinária

Conheça o Curso de Dermatologia em Pequenos Animais

Dermatologia em pequenos animais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 30 de julho de 2013