Para debater fortalecimento do mercado pet Mapa instala Câmara Setorial de Animais de Estimação

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Brasil tem o segundo faturamento mundial do mercado pet, como também é conhecido o comércio de animais de estimação. Para debater assuntos essenciais para o fortalecimento do mercado de animais de estimação, bem como fomentar e implementar políticas públicas para esse segmento a Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Animais de Estimação será implantada nesta terça-feira (20/11), às 14h, na sala de reuniões CNPA, pelo Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Mendes Ribeiro Filho.  O fórum vai reunir representantes do governo e do setor privado.

De acordo com Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), a perspectiva é movimentar R$ 13,6 bilhões em 2012.

O setor tem definida a Agenda Estratégica Pet Brasil 2012-2017, com prioridade para debates sobre governança da cadeia, fomento, marco regulatório, marketing e promoção e capacitação. Esses temas foram definidos pelo Grupo de Trabalho (GTPet) vinculado à Câmara Temática de Insumos Agropecuários, onde assuntos relacionados à cadeia Pet eram tratados anteriormente.

Os animais de estimação são criados para o convívio com os seres humanos por razões afetivas, gerando uma relação benéfica. Têm como destinações principais: terapia, companhia, lazer, auxílio aos portadores de necessidades especiais, esportes, ornamentação, participação em torneio e exposições, conservação, preservação, criação, melhoramento genético e trabalhos especiais. Os principais grupos animais são: aves canoras e ornamentais, domésticas, silvestres e exóticas; cães; gatos; peixes ornamentais e outros (répteis, pequenos roedores, pequenos mamíferos), domésticos, silvestres e exóticos.

Fonte: Revista Globo Rural

Adaptação: Revista Veterinária

Conheça o Curso de Dermatologia em Pequenos Animais

 

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 19 de novembro de 2012