Problemas nos cascos dos bovinos podem diminuir a produtividade

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os problemas nos cascos dos bovinos, ocorridos tanto na pecuária de corte quanto leiteira, podem gerar consequências muito maiores do que momentaneamente aparentam e até mesmo comprometer os índices de produtividade.

Dentre as doenças mais comuns detectadas sobre esta parte do animal, podemos citar as pododermatites. Ela atinge a reprodução em cheio, por diminuir a monta e a taxa de prenhez, além de causar mortes por inanição, já que o animal tem dificuldade de se deslocar até o alimento.

Importante destacar a diminuição da produção de leite, cuja lactação está relacionada também a uma boa nutrição. Desta forma, o cuidado com os cascos é uma das ações de manejo imprescindíveis em uma criação de bovinos.

A observação sobre os sinais de manqueira devem, portanto, ser constantes. Isso, atrelada às inspeções e manutenção periódica, já que grande parte destas doenças ou lesões são detectadas tardiamente, o que certamente dificulta o processo de recuperação, independente da eficiência do tratamento.

Existem técnicas para detectar os problemas nos cascos dos animais, levando em consideração a observação do dorso e membros apoiados no chão, o que somente um profissional especializado será capaz de realizar com exatidão.

Fique por dentro das principais medidas adotadas nesta situação e saiba como prevenir o rebanho. Confira.

Fonte: Ouro Fino

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  


Atualizado em: 8 de setembro de 2017

Artigos Relacionados com Bovinos: