Qual o maior erro na esterilização de instrumentais cirúrgicos?

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A esterilização é um dos procedimentos básicos e mais importantes em uma clínica de cirurgias, de modo a resguardar a assepsia e ausência de microrganismos nos instrumentos.

A escolha dos métodos de esterilização deve levar em conta a eficiência, vantagens, custo-benefício, e, sobretudo, a capacitação do profissional que vai realizar tal função.

Erros nesta função não podem jamais acontecer, embora sejam relativamente comuns.

Um bom exemplo está relacionado aos pacotes com os instrumentos cirúrgicos que são colocados dentro da autoclave e depois da esterilização ficam úmidos. Tal situação pode ser evitada através de um eficiente processo de secamento, de preferência em estufas, já que a água/umidade é um ambiente atraente para a proliferação de microrganismos.

Este é apenas um exemplo de falha que através do investimento em conhecimento, pode ser evitada.

 Para esterilização dos instrumentos cirúrgicos a utilização correta da autoclave é fundamental para garantir o sucesso dos procedimentos. Confira.

Fonte: Cristófoli

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Artigos Relacionados com Genética e Tecnologia: